Marlene

Os versos, as rimas, os sonhos nos dão tranquilidade e paz!

Textos


Crença



O lenço balançou , tremulou no ar.
O chão abriu-se... vácuo, frágil... nulo
O joelho dobrou... caído inerte.

Mãos trêmulas tentavam se encontrar
Rosto sem cor busca encontrar um pulo
Lágrima quente em gelo se converte...

O crente viu seu fim de muito perto
Manteve o coração pra Deus aberto...
 
MVA
Enviado por MVA em 07/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras